Aos 24 anos, Akira Hirota foi o mais novo calouro de Medicina da Universidade Positivo (UP), no primeiro semestre de 2018. Para conseguir a sonhada aprovação, ele começou a preparação há dois anos e meio, quando veio a Curitiba para fazer o fazer o pré-vestibular no Curso Positivo. Hirota integra a lista de estudantes que se mudam para a capital para estudar. A trajetória fora de casa começou aos 14 anos, quando saiu de Alta Floresta (MT) – cidade natal, que fica na divisa do Pará – para seguir a carreira de jogador de futebol. No início da carreira profissional, ele conseguiu conciliar os treinos com um semestre de Engenharia Civil na Universidade do Estado de Mato Grosso (UNEMAT), mas, com a rotina puxada, Hirota optou por seguir o sonho de milhões de brasileiros em se tornar um jogador profissional. Antes do futebol, ele chegou a lutar taekwondo. “Eu gostava de lutar, mas queria ser jogador de futebol, então, resolvi ir atrás e consegui”.

Antes da preparação para o vestibular, o estudante já havia passado por Curitiba, quando jogou na base do Atlético Paranaense e do Coritiba. Logo em seguida, ele passou uma temporada jogando profissionalmente na Suécia e na Letônia. Mas duas fraturas no pé tiraram precocemente o futebol de sua vida. “Não é fácil ter que encerrar a carreira aos 22 anos, o que é cedo, mas eu voltei para o Brasil e resolvi seguir em frente”, explica.

A escolha da profissão e o novo desafio

No Brasil, Akira escolheu um novo desafio: o de voltar a estudar. “Durante os anos em que joguei, eu não estudei nada. É da cultura do jogador não pegar um livro pra ler”, conta. Por isso, depois de tanto tempo afastado, ele colocou a meta de dois anos e meio para conseguir a aprovação. “Com a vida de atleta, eu sempre cuidei da alimentação e me exercitei – por isso, sabia que queria algo relacionado à saúde”. Com o irmão médico e a proximidade com as equipes médicas no esporte, Akira decidiu que iria se preparar para Medicina, pois, como médico, poderia escolher em qual área atuar.

Em 2015, Hirota começou o semiextensivo no Curso Positivo e, antes de aprender todo o conteúdo, ele teve que aprender a estudar. “Eu sabia que seria difícil, e até pensei em desistir, mas decidi que iria estudar muito para conquistar meu sonho”. A cada ano, com a ajuda dos professores e colegas que passaram no vestibular, ele criou o seu próprio método de estudo: lia a matéria antes da aula, depois prestava atenção na aula para aproveitar ao máximo a explicação do professor, e então fazia todos os exercícios. “Tanto nos simulados, quanto nos vestibulares, eu sempre tenho em mente que o mais importante não é minha colocação, mas sim a prova e as questões que eu errei e que preciso aprender com cada uma delas”.

Hoje, com o objetivo alcançado dentro do prazo, o estudante está orgulhoso da sua jornada e atribui a aprovação aos professores, à organização do material didático e à estrutura que permite a vivência dos estudos, além da família e a Deus. “Sem dúvida, meus pilares nessa jornada foram meus pais e irmãos, que mesmo morando em outros estados, sempre estiveram presentes, e a Deus, pois sempre tive fé”, conta. Segundo ele, todo resultado é consequência de uma evolução. “Eu acredito que o sucesso é 90% trabalho e 10% talento”, finaliza. Para o futuro, o jovem espera ajudar quem precisa e atuar na área de fisiologia ou nutrologia.

4
Deixe um comentário

avatar
4 Tópico
0 Respostas do tópico
0 Seguidores
 
Comentários mais lidos
Comentário principal
4 Comentário dos autores
Magali FurlanSirlei de Vasconcelos bosiEloizia VolpatoNelson Hirota Comentário recente do autor
  Increva-se  
Novos Antigos Melhor avaliados
Notificação de
Nelson Hirota
Visitante
Nelson Hirota

Exemplo de superação, dedicação e fé no Senhor.

Eloizia Volpato
Visitante
Eloizia Volpato

Conheço essa família… base familiar é muito forte!! Ter Deus em primeiro lugar em nossas vidas, nos leva sempre a frente!! Sempre temos escolhas e o Akira nos mostra isso! PARABÉNS!! pelo esforço e dedicação, aos pais tbem, que estão sempre, acolhendo, apoiando, e orientando com muito amor! Exemplo de família!! Q Deus os abençoe!!!!!

Sirlei de Vasconcelos bosi
Visitante
Sirlei de Vasconcelos bosi

Seu desafio é superação, e que inspire outros jovens. Parabéns.

Magali Furlan
Visitante
Magali Furlan

Parabéns meu Querido, a vida é feita de escolhas, Deus sucinta em nós a nossa vocação, e cabe a nós decidirmos e aceitarmos ou não, SOMOS LIVRES GRACAS A BONDADE E MISERICÓRDIA DE NOSSO MARAVILHOSO DEUS, e você acolheu a direção certa, resignado e determinado a VITÓRIA…. Quê o seu EXEMPLO de coragem, determinação, contagie a muiiito outros Jovens, a seguirem com FÉ, ESFORCO E CONFIANÇA OS SEUS SONHOS. PARABÉNS A TODA A FAMÍLIA.❤️❤️❤️